top of page

Carreira

Marcus Anoli

Marcus 3.jpeg

Marcus Anoli é ator e bailarino, 1,83 altura, nascido em 21 de agosto de 1971 na cidade de Anápolis-Go. 

 

Iniciou sua carreira como bailarino na Escola Municipal de Dança de Anápolis GO e fez parte da primeira formação do  Corpo de Baile da Cidade.

 

Os primeiros passos como ator foram dados em Brasília onde fez vários cursos livres. Formado pela CAL - Casa das Artes de Laranjeiras-RJ, licenciado em Dança pela Escola de Comunicação e Artes do Centro Universitário da Cidade-RJ, pós graduado em Teatro Contemporâneo pela faculdade Dulcina de Morais-Brasília DF. 

 

Como ator se destacou em peças como “Hair” e “A Ópera do Malandro”, ambas com direção de Jeff Moreira, “A vida como Ela É” direção de Marcus Alvisi, “Bonitinha, mas Ordinária” direção de Ticiana Studart, “Hamlet” direção de Marcus Alvisi e “Morte e Vida Severina” direção de Luiz Fernando Lobo. Em 2022 integrou o elenco do Musical “Quero Vê-la Sorrir” com direção de Chiquinho Neri e  Sueli Guerra.

Integrou a Cia de Dança da Cidade do Rio de Janeiro, dirigida por Roberto Pereira e direção artística de Marise Reis, onde fez parte de um projeto inédito no Brasil que pesquisou e remapeou o percurso da dança no Rio de Janeiro. Para a primeira temporada foram selecionadas quatro peças para remontagem: “Suíte Barroca” de Nina Verchinina (1973), “Catar” (1987) de Lia Rodrigues e João Saldanha, “Dança de III” (1994) de João Saldanha e “Valises” (1996) de Ana Vitória. Como integrante da  Cia da Idéia realizou “Dançando do Meu Jeito” (2022) dirigido por Sueli Guerra.

 

Também trabalhou com projetos audiovisuais como os curtas metragem ENTRE, recebendo prêmio de melhor ator, TODAS AS MINHAS CORES, seriado DNA. Em 2021 protagonizou os filmes “TOLERADO” e “RASTRO DE GLITTER” e em 2022 integrou o elenco de “CURIOSO”. O ator está citado em publicações literárias como os livros de Lenise Pinheiro, Fotografias de Palco I e II.

bottom of page